Sobre o CEPESC

Salvador, Bahia, Brazil
CEPESC - Centro de Pesquisa, Estudos e Serviço Cristão. Nasceu do sonho, da utopia e da luta pela criação de um entidade que refletisse, a partir da perspectiva cristã e no contexto da diversidade cultural, social e religiosa brasileira e da Bahia, o mundo dos nossos dias de um modo abrangente e total, ou seja, nas suas dimensões social, econômica, política, educacional e religiosa. Por isso, adotou o lema Dignidade e plenitude da vida e da criação. Organizada em 23 de novembro de 1996, é uma entidade de caráter cultural, educacional, social e religioso. Tem como objetivos estimular, fazer e divulgar pesquisas no campo político, econômico, social, cultural e religioso e realizar trabalhos de educação, sociais, culturais e religiosos. Contato: 3266-5526

segunda-feira, 1 de Abril de 2013

SESAB regulamenta a assistência religiosa para pacientes internados nas unidades de saúde de rede própria


Com a publicação no Diário Oficial da Portaria nº 02/2013 a Secretaria de Saúde regulamentou a assistência religiosa nas unidades de saúde de rede própria da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia- SESAB,  a  portaria assegura o direito ao apoio espiritual  ao paciente de qualquer  manifestação religiosa respeitando a sua crença. Para receber a assistência basta o paciente manifestar o seu desejo, não sendo obrigado a registrar sua crença no ato da admissão, caso o paciente esteja inconsciente esta vontade pode ser indicada por um membro da família.
De acordo com a portaria a instituição religiosa interessada em ministrar assistência em determinada unidade de saúde deverá realizar o seu cadastramento na unidade de internação coletiva e indicar seus representantes, já a instituição interessada em atuar em toda a rede própria deverá realizar o cadastro na SESAB.
A assistência prestada a cada paciente pode ser fora do horário de visita, mediante autorização da equipe médica e serviço social. Cada intervenção religiosa pode ser individual ou coletiva, desde que haja na unidade de saúde um espaço reservado .


Sem comentários:

Enviar um comentário